Esta página pode utilizar cookies.

Depois de muito anunciar, o The New York Times finalmente resolveu implantar a cobrança pelo acesso a seu conteúdo digital. Matéria do The Wall Street Journal repercutida pela Folha de S.Paulo confirma que a medida será adotada ainda neste mês.

Quem falou da cobrança foi o editor-executivo do NYT, Bill Keller, segundo o qual, a intenção é cobrir um buraco deixado pela falta de anunciantes no site do diário. Entretanto, ainda não se sabe como funcionará a assinatura e nem quanto será pago pelo acesso. A discussão sobre o fechamento do conteúdo do NYT acontece desde janeiro de 2010, quando o mesmo Bill Keller falou que pretendiam implementar o recurso este ano. Na época, o site do jornal publicou um comunicado no qual afirmava tratar-se de "um passo que vem sendo debatido por toda a indústria e que praticamente todos os grandes jornais têm receio de dar". O editor comentou que cobrar "ressalta o valor" do "jornalismo profissional". "Isso nos dá uma segunda maneira de manter esse trabalho árduo e caro, para além das nossas saudáveis receitas vindas da publicidade", afirmou.