Esta página pode utilizar cookies.
Warning (2): getimagesize(/wp-content/uploads/2010/02/red-bull1.jpg): failed to open stream: No such file or directory [ROOT/plugins/Amp/src/Template/Categoria/conteudo.ctp, line 44]
Notice (8): Trying to access array offset on value of type bool [ROOT/plugins/Amp/src/Template/Categoria/conteudo.ctp, line 46]
Warning (2): Division by zero [ROOT/plugins/Amp/src/Template/Categoria/conteudo.ctp, line 46]
Notice (8): Trying to access array offset on value of type bool [ROOT/plugins/Amp/src/Template/Categoria/conteudo.ctp, line 46]

Sete praias despontando entre os mais procurados destinos turísticos do verão de Santa Catarina foram o cenário de uma inédita travessia de stand up paddle (SUP) - esporte aquático que consiste basicamente em remar de pé sobre longas pranchas semelhantes as do surfe tradicional.

No sábado (20/02), o Red Bull Paddle Cross teve a participação de 60 competidores numa rota de 18 km pelo mar, de Garopaba à Praia do Rosa, costeando algumas das mais belas e badaladas faixas de areia do Sul do Estado, além de longos trechos em que predominam costões de pedra e restinga. O catarinense Kauli Seadi, de 27 anos, foi o campeão da travessia. Tricampeão mundial de windsurfe, Seadi conquistou seu primeiro título em remada de stand up. Ele superou as distâncias da Praia da Silveira - uma das mais procuradas por surfistas - e da Ferrugem, remando incessantemente por horas a fio, alcançando na frente dos demais concorrentes as areias do Rosa Sul, em Imbituba, local da chegada.

paddle_foto2

"O Thomas abriu boa vantagem na saída de Garopaba, onde enfrentamos um forte vento contra. Após a primeira bóia, reparei que ele se descuidou e foi derrubado da prancha por duas vezes seguidas. Aproveitei a oportunidade para aumentar meu ritmo e assumir a ponta”, declarou Kauli ao pisar nas areias do Rosa Sul, em Imbituba.