Esta página pode utilizar cookies.
Warning (2): getimagesize(/wp-content/uploads/2011/09/menino-final.jpg): failed to open stream: No such file or directory [ROOT/plugins/Amp/src/Template/Categoria/conteudo.ctp, line 44]
Notice (8): Trying to access array offset on value of type bool [ROOT/plugins/Amp/src/Template/Categoria/conteudo.ctp, line 46]
Warning (2): Division by zero [ROOT/plugins/Amp/src/Template/Categoria/conteudo.ctp, line 46]
Notice (8): Trying to access array offset on value of type bool [ROOT/plugins/Amp/src/Template/Categoria/conteudo.ctp, line 46]

Um estudo realizado pela universidade inglesa de Hertfordshire e a empresa de correios britânica, o Royal Mail, apontou dados interessantes sobre o futuro das estratégias de marketing promocional. A pesquisa, realizada com jovens de 18 a 23 anos, indica que mesmo com os avanços dos meios digitais, os futuros marketeiros acreditam que ações no PDV, estratégias de marketing direto e experiências de marca vão ganhar ainda mais relevância nos próximos anos, no que depender deles. Cerca de 45% dos pesquisados disseram acreditar muito no papel exercido pelas ações promocionais realizadas diante dos clientes quando pensado o mix de mídias que deve ser utilizado para desenvolver uma campanha. No assunto marketing direto, 35% acreditam que os atuais gestores subestimam a importância que uma ação feita utilizando o correio pode ter na decisão de compra dos consumidores. Ainda, 25% disseram que pretendem sempre incluir ações promocionais em suas futuras campanhas. As respostas destacaram também os benefícios da entrega porta-a-porta de amostras e brindes. Os estudantes enfatizaram que a habilidade de entregar produtos e serviços diretamente e nas mãos dos consumidores é uma das formas fundamentais de converter a venda, fortalecendo a relação entre clientes e marcas. A amostragem foi pequena - cerca de 200 jovens - e estimula novos estudos, em uma era em que a palavra de ordem é ouvir o que os consumidores têm a dizer. Como reflexão, fica aqui também um vídeo criado pela agência phd. E você, o que tem a dizer sobre isso?