Esta página pode utilizar cookies.

Moradores e visitantes da Tijuca, no Rio de Janeiro, puderam reencontrar um morador ilustre do bairro. Foi inaugurada a prometida escultura de Tim Maia (1942-1998), desenvolvida pela Nivea, em parceria com a Isobar. O cantor nasceu e passou parte de sua juventude no bairro. A escultura é feita de bronze e alumínio, contando com dezenas das tradicionais latinhas azuis do Creme Nivea derretidas. As embalagens foram transformadas em parte da liga metálica moldada utilizada na obra, que é parte das ações da plataforma musical Nivea Viva, que este ano presta homenagem a Tim, com apresentações gratuitas de Ivete Sangalo e Criolo.

Foto: Reprodução/Google.
Localizada na Praça Afonso Pena, a escultura de Tim Maia passa a compor uma série que exalta ícones da cultura brasileira, distribuídas pela cidade, como Tom Jobim, Dorival Caymmi, Noel Rosa, Renato Russo e Carlos Drummond de Andrade, entre outros.
Foto: Marcelo Fonseca.
[caption id="attachment_471251" align="alignright" width="562"]timmaia Carmelo Maia, filho de Tim Maia.[/caption] A obra é assinada pela artista plástica Christina Motta, e, além dela, estiveram presentes na inauguração Tatiana Ponce, diretora de Marketing da Nivea, Fred Saldanha, chief creative officer da Isobar, Marcus Belchior, da Secretaria de Conservação da Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro e Carmelo Maia, filho do cantor.