Esta página pode utilizar cookies.

Símbolo da juventude no final dos anos 1950 e parte dos anos 1960, lambretas e vespas estarão expostas no Neumarkt até o dia 15 de julho. Os 19 modelos antigos pertencem aos integrantes do Clube da Lambretta de Santa Catarina, grupo de Blumenau que reúne apaixonados pelas motonetas. Na exposição Nos Tempos da Brilhantina, o público poderá conferir raridades como a LD 150, de 1955. Integrante do Clube da Lambretta de Santa Catarina, Emanoel Pfiffer Neto conta que o grupo vai apresentar modelos clássicos da motoneta que surgiu na Itália do pós-guerra. “Para o Clube é muito importante esta oportunidade de mostrar ao público um pouco da nossa paixão pelas lambretas e vespas, além de ajudar a preservar a memória deste veículo que faz parte da história do Brasil.” comenta.

Fotos: Clube da Lambretta de Santa Catarina/Divulgação.
Na Praça de Eventos do shopping, serão exibidos modelos desde a década de 1950 até 1980. Fabricada pela Lambretta do Brasil S/A, a LD 150, primeiro veículo nacional produzido em série no Brasil, é a mais antiga da exposição. Outra que se destaca é a LI 150, de 1961. A partir deste ano, a Lambretta lançou este novo modelo, que se consolidou como o mais vendido da marca no País. A mais recente da exposição é a Vespa PX 200, de 1985, fabricada pela Piaggio S/A. Produzida até 1991, ela marcou o retorno da Vespa no Brasil e foi um grande sucesso de vendas. A exposição é gratuita e funciona diariamente, das 10h às 22h. Confira algumas fotos das motonetas que estão em exposição: Lambretta (4) Lambretta (4) - Cópia Lambretta (6) - Cópia