Esta página pode utilizar cookies.

Atualmente existe apenas 7% da Mata Atlântica nativa. Boa parte desta destruição é decorrente da exploração intensiva de madeiras nobres para a construção civil e fabricação de móveis. Com base no mesmo motivo que fez parte das florestas brasileiras desaparecer, a SOS Mata Atlântica e a DM9DDB apresentam o projeto “Decor Exchange”. A ação tem como principais objetivos chamar atenção das pessoas para o consumo sustentável e angariar fundos para o programa de reflorestamento “Florestas do Futuro”, da ONG SOS Mata Atlântica.

O Decor Exchange alerta as pessoas para este cenário de uma maneira lúdica: no passado foram tiradas madeiras para produzir móveis e, agora, chegou a hora de fazer o caminho inverso. O projeto propõe a venda de móveis designs que simbolizam a ausência dele mesmo e convida as pessoas a trocarem o espaço de um móvel por mais espaço para a natureza. 1m² a menos em casa = 1m² a mais na natureza. Ao comprar este espaço na natureza, o objeto design ocupa o espaço do móvel. Fabricadas em MDF (Medium Density Fiberboard), material ecologicamente correto e conhecido mundialmente, as peças são vendidas a R$ 140,00 pelo site. Os compradores poderão demarcar o local onde as mudas serão plantadas e compartilhar no Facebook. O dinheiro arrecadado com a venda será revertido para a plantação de mudas no programa “Florestas do Futuro” da SOS Mata Atlântica. O lançamento conta com cadeira, mesinha e banco e todas as peças acompanham a assinatura “Um móvel a menos em casa. Uma árvore a mais na Mata Atlântica”.

O lançamento do Decor Exchange aconteceu ontem (26/04), na HocDie Design. Com sede na capital paulista a loja de Nelson Schiesari e Patrícia Fernandes cedeu o espaço para uma pop up store do Decor Exchange.