Esta página pode utilizar cookies.

Imagine usar os mais de 220 mil acidentes de carro que acontecem por ano na Itália para promover um produto, um serviço ou uma marca? Despindo-se de qualquer julgamento ético, uma agência de publicidade italiana, a Kook Artvertising, lançou no mercado esta possibilidade - e não só descreveu-a no website como precificou o serviço.

Vamos dizer que existe um time de "crashadvertisers" prontos para ativar marcas em locais onde os acidentes acontecem. A equipe de criativos da ideia partiu do princípio de que todo mundo fica curioso para olhar para um acidente - e, então, porque não usar este espaço como mídia? A mensagem pode ser passada de diversas maneiras: por intermédio de posters gigantes exibidos por uma equipe vestida com um uniforme de segurança e a logo em questão; um triângulo para informar a obstrução da via e a marca divulgada naquele momento; samplers e brindes que podem ser distribuídos aos curiosos. O público-alvo desta iniciativa pode ser diversas empresas que têm relação com as vias e a prevenção de acidentes. E o público participa não apenas como observador: é também possível enviar twits ou posts no Facebook informando sobre novos acidentes. Por fim, claro, a geolocalização: a campanha pode ser planejada para quaisquer acidentes que aconteçam em todo o território nacional ou em áreas específicas, onde as marcas clientes precisem de reforço de marca ou de imagem.

Gostou desta ideia? Comente.