Esta página pode utilizar cookies.

Enquanto uns pulam atrás do trio, outros aproveitam para faturar com trabalhos temporários. É o caso de Vitor Bahia, coordenador do Camarote do Nana, que foi contratado em dezembro e deve ficar até o final do Carnaval. “A partir de fevereiro não tenho mais fim de semana livre, porque é preciso cumprir os prazos. Mas é gratificante realizar o trabalho. Além disso, consigo um upgrade na renda”, informou sem querer revelar o salário.

[caption id="attachment_89868" align="aligncenter" width="580" caption="Carnaval em Salvador com vagas para trabalho temporário."][/caption] No entanto, pessoas envolvidas na festa garantem que a remuneração de um cargo como o dele pode variar de R$ 10 mil a R$ 30 mil durante os dois ou três meses que antecedem a folia momesca. Entrega de Abadás Outra função que oferece bom pagamento e fidelidade na vaga para os anos seguintes é a entrega de abadás. Pelo quarto ano consecutivo, a estudante de Direito Camila Hernandes trabalha na Central do Carnaval – que até o período da festa deve recrutar outras 300 pessoas. Ela começou como vendedora, virou operadora de caixa e hoje assume a função de “capitã” (subgerente) da loja do Iguatemi nos meses que antecedem o Carnaval. “Ainda dá para aproveitar um pouco, pois o clima é bom, com a música e contato com pessoas”, garante Camila, que recebe em média R$ 900,00 por mês, além das horas extras. O universo de brindes, bandanas e adesivos também resulta em um grande número de empregos. Segundo a presidente da Associação de Marketing Promocional (seção Bahia), Djanira Dias, o número de contratados deve ficar em torno de duas mil pessoas, incluindo todas as agências. A remuneração varia de R$ 50,00 para pessoal de apoio, até R$ 250,00 para receptivo em camarotes. A universitária Gleice Barbosa garante que em seis dias de festa chega a ganhar até R$ 2,5 mil. “Trabalho em eventos o ano inteiro, mas essa é a época que mais ganho dinheiro”, diz. Os cargos operacionais como cordeiros e segurança compõem a maioria das vagas. Só o Sinebahia prevê a disponibilidade de 2.400 vagas a partir de fevereiro. Os interessados já podem fazer o cadastro. Onde Buscar Vagas Central do Carnaval – Deixar currículo em uma das lojas SineBahia www.setre.ba.gov.br l SIMM www.simm.salvador.ba.gov.br l Invent Produções www.inventpromo.com.br/formulario.aspx l Sindicato dos Hoteis enviar currículo para adm@sindicatohrbs.com.br l 2GB Eventos www.2gb.com.br Fonte: Jornal A Tarde.