Esta página pode utilizar cookies.
Warning (2): getimagesize(/wp-content/uploads/2014/04/materia.2014.04.03.png): failed to open stream: No such file or directory [ROOT/plugins/Amp/src/Template/Categoria/conteudo.ctp, line 44]
Notice (8): Trying to access array offset on value of type bool [ROOT/plugins/Amp/src/Template/Categoria/conteudo.ctp, line 46]
Warning (2): Division by zero [ROOT/plugins/Amp/src/Template/Categoria/conteudo.ctp, line 46]
Notice (8): Trying to access array offset on value of type bool [ROOT/plugins/Amp/src/Template/Categoria/conteudo.ctp, line 46]

Discutir a interação entre as regiões de planalto e planície, o sistema produtivo e a sustentabilidade, esse é o objetivo do quinto Simpósio de Geotecnologias do Pantanal (GeoPantanal), que será realizado em Campo Grande, entre os dias 22 e 26/11, na Av. Tamandaré 6000, Jardim Seminário. O evento é promovido pela Embrapa Informática Agropecuária em parceria com o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), Universidade Federal do Mato Grosso do Sul (UFMS), Universidade do Estado de Mato Grosso (Unemat) e Universidade Católica Dom Bosco (UCDB). Segundo os organizadores, a expectativa é de que cerca de 300 pessoas participem do simpósio, entre profissionais da área, pesquisadores, professores e estudantes de nível técnico, graduação e pós-graduação interessados nos estudos sobre o uso de geotecnologias no bioma pantaneiro. Além de estimular a discussão sobre as pesquisas e as aplicações de geotecnologias no estudo de áreas úmidas delimitadas pela bacia hidrográfica do alto rio Paraguai, o simpósio busca favorecer contatos nacionais e internacionais para fomento de projetos de pesquisa e cooperação. Conforme a organização, o evento também abre oportunidade para a submissão de trabalhos desenvolvidos em áreas úmidas semelhantes ao Pantanal e também que possam ser aplicados ao bioma. O foco está na região da bacia, incluindo o Brasil, a Bolívia e o Paraguai, mas qualquer pessoa que desenvolva uma tecnologia ou metodologia relacionada ao uso de geotecnologias que possa ser aplicada à região pode submeter artigos. O prazo para submissão de trabalhos vai até 15/8.