Esta página pode utilizar cookies.
Warning (2): getimagesize(/wp-content/uploads/2012/05/Billabong-Rio-Pro-2012-560x206.jpg): failed to open stream: No such file or directory [ROOT/plugins/Amp/src/Template/Categoria/conteudo.ctp, line 44]
Notice (8): Trying to access array offset on value of type bool [ROOT/plugins/Amp/src/Template/Categoria/conteudo.ctp, line 46]
Warning (2): Division by zero [ROOT/plugins/Amp/src/Template/Categoria/conteudo.ctp, line 46]
Notice (8): Trying to access array offset on value of type bool [ROOT/plugins/Amp/src/Template/Categoria/conteudo.ctp, line 46]

No ano passado o Billabong Rio Pro levou mais de 80 mil pessoas à praia e ultrapassou os dois milhões de espectadores na transmissão ao vivo pela internet, além de chegar aos Trending Topics Brasil do Twitter durante a final masculina. O evento acontece do dia 09/05 a 20/05. Além dos 34 surfistas que compõe o ranking da ASP (Associação Profissional de Surf), mais dois nomes competirão como convidados do evento. Um deles é Peterson Crisanto, paranaense de 20 anos que venceu uma das etapas do Pro JR no mês de fevereiro na Austrália e competiu entre os ídolos da elite mundial no Rio Pro de 2011. Em 2012 o Billabong Rio Pro terá a maior premiação da temporada do ASP World Tour com US$ 620 mil em prêmios (US$ 500 mil na competição masculina e US$ 120 mil, na feminina). Um time de sete brasileiros vai tentar repetir o feito de Adriano de Souza, o Mineirinho, vencedor da etapa em 2011, diante de um público que lotou a Praia da Barra da Tijuca. Este ano a competição contará com três sedes para a realização das baterias, sendo a principal na Barra da Tijuca (Postinho) e as outras duas alternativas no Arpoador e no Canto do Recreio, sempre dependendo das ondas e das condições climáticas. O objetivo da organização do evento é proporcionar melhores condições de onda nessa época do ano, garantindo um evento espetacular. Além do Brasil, a Billabong patrocina as mais importantes competições do circuito PRO, como as etapas do ASP World Tour de Teahupoo (Tahiti) e Pipeline (Hawaii), que encerra a temporada anual no mês de dezembro. Fonte: Evom