O presidente da Embratur (Instituto Brasileiro de Turismo), Vinicius Lummertz, e o ministro do Turismo, Marx Beltrão, estiveram em Santa Catarina, nos dias 24 e 25 de agosto, para o lançamento da campanha “o Sul é o meu destino”.

Série de Eventos em Santa Catarina

21/08/2017

O presidente da Embratur (Instituto Brasileiro de Turismo), Vinicius Lummertz, e o ministro do Turismo, Marx Beltrão, estiveram em Santa Catarina, nos dias 24 e 25 de agosto, para o lançamento da campanha “o Sul é o meu destino”.

A comitiva, que reunia ainda o vice-governador de Santa Catarina, Eduardo Moreira, o secretário de Turismo, Cultura e Esporte de Santa Catarina, Leonel Pavan, esteve nessa sexta-feira (25) no parque temático Beto Carrero para apresentar aos empresários e dirigentes de órgãos públicos de gestão de turismo dos três estados do Sul (Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul), detalhes da iniciativa de promoção conjunta.

“Nesses dois dias visitamos três símbolos: a Marina de Itajaí, o Centro de Convenções que está sendo construído em Balneário Camboriú e o Parque do Beto Carrero.

O Turismo é isso, trabalhar os símbolos dos destinos para gerar fluxo, movimentar a economia também criar empregos”, declarou Vinicius Lummertz, presidente do Instituto.

O presidente da Embratur ressaltou também a oportunidade de segmentar as campanhas de promoção e modernizar a abordagem, realizando de forma conjunta a divulgação dos destinos turísticos. “Se os países europeus fazem divulgação conjunta das suas atrações, por que não realizar esta promoção segmentada no Brasil, que é um país de dimensões continentais?”, reforçou Lummertz na chegada a 6ª Edição do Beto Carrero Meeting, em Penha (SC).

Entre outros temas, foi debatida também a questão da redução da tributação para importação de equipamentos que são as atrações principais dos parques temáticos, já grande parte dos brinquedos e equipamentos são fabricados no exterior e os altos impostos cobrados no Brasil tornam os investimentos praticamente inviáveis.

O Sindepat (Sistema Integrado de Parques e Atrações Turísticas) ressaltou a importância do setor, que auxilia no crescimento de demanda para outras áreas da economia e do turismo. “Os parques são âncoras do turismo moderno, porque são voltados para turistas de todas as faixas etárias e que movimentam muitos setores da cadeia econômica”, avaliou o presidente do Sindepat, Alain Baldacci. 


Fonte:: Redação