O trabalho do GAD de reposicionamento contemplou várias fases: diagnóstico, estratégia e posicionamento, arquitetura da marca, linguagem e identidade.

GAD cria novo posicionamento para Hospital Moinhos de Vento

16/10/2017

O trabalho do GAD de reposicionamento contemplou várias fases: diagnóstico, estratégia e posicionamento, arquitetura da marca, linguagem e identidade.

Para entender a instituição, a visão de futuro e todos os stakeholders (públicos estratégicos), foi feita uma investigação profunda com os líderes, médicos, pacientes e não-pacientes, e pesquisas etnográficas (mais aprofundadas).

Um manifesto da marca foi escrito para representar a essência do novo posicionamento. Para divulgar o reposicionamento, o hospital lançou no dia 02 de outubro, data do aniversário de 90 anos, um vídeo-manifesto a marca.

O novo posicionamento destaca o papel do Hospital Moinhos de Vento como referência em medicina e saúde, além de pesquisa, estudos, excelência e determinação. Os atributos foram traduzidos visualmente por meio de mudanças na linguagem, direção fotográfica e paleta de cores – ficaram mais vibrantes (azul, roxo, rosa e laranja) para ajudar a comunicar o novo momento mais confiante da marca.

“O grande desafio deste projeto foi construir um posicionamento que refletisse de fato o novo momento que o hospital está vivendo e sua visão de futuro, que é se estabelecer como uma referência em medicina e saúde não só no Rio Grande do Sul, mas em todo o Brasil”, diz Luciano Deos, presidente do GAD.

Para traduzir este novo posicionamento foi feita uma importante evolução da linguagem visual da marca, sem mudar o logotipo, que é um elemento de grande reconhecimento da comunidade. O logo apenas passou por ajustes técnicos e de tipografia. Um selo (“Referência em Medicina e Saúde”) foi desenvolvido pelo GAD para servir de marca em vários momentos da comunicação. O logo e a identidade visual do Hospital Moinhos de Vento foram criados pelo GAD há 10 anos.

“O desafio também foi conseguir traduzir visualmente este novo posicionamento, mas sem alterar a marca e identidade atual, já que elas são muito fortes e reconhecidas. Para isso, criamos uma nova linguagem, valorizando a identidade atual, mas com um pequeno redesenho no logo e com a inserção de alguns elementos gráficos e de outras cores para que isto pudesse dar mais dinâmica e traduzisse este momento mais vibrante, tecnológico e voltado para inovação e referência do hospital”, completa Luciano Deos.

O Hospital Moinhos de Vento foi fundado em 1927, como Hospital Alemão, e conta com mais de 4,2 mil colaboradores e mais de 3 mil profissionais no corpo clínico. Faz quase 200 mil atendimentos ambulatoriais por ano.


Fonte:: Redação