Em agosto acontecem MAX e CineBH, que reunirão produtores, investidores e especialistas, abrindo oportunidades de negócios.

Com foco na economia criativa, BH se transforma em capital do audiovisual

07/08/2017

Agosto mal começou, mas promete transformar Belo Horizonte na capital brasileira do audiovisual. Entre os dias 22 e 27, dois grandes eventos vão reunir profissionais do Brasil e do exterior envolvidos em várias áreas produtivas do cinema, TV, games e mídias digitais. Serão palestras, rodadas de negócios e mostras cinematográficas promovidas pela Minas Gerais Audiovisual Expo (MAX) e pelo CineBH, que encampa mais uma edição de Brasil Cine Mundi.

Realizada pela segunda vez em BH, a MAX ocupará a Serraria Souza Pinto a partir do dia 23. Financiado pela Companhia de Desenvolvimento Econômico de Minas Gerais (Codemig), Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae-MG) e Serviço Social da Indústria (Sesi-MG), o evento é aberto ao público. 

Oferecerá palestras e painéis com distribuidores, produtores e responsáveis por empresas envolvidas no fomento da indústria criativa nacional e estrangeira, sob a perspectiva do ''audiovisual 360'' – ou seja, extrapolando mídias tradicionais como TV e cinema –, explica Lucas Soussumi, curador da programação.


Fonte:: Redação