Para o Marketing, o incentivo objetiva um estímulo que oferecemos a uma pessoa, empresa ou setor para que ele aumente a produção e/ou melhore o rendimento.

Incentivando o Live Marketing

07/11/2017

               Tony Coelho

Desligue o celular um instante.

Tá, eu sei, eu sei que digital também é Live, mas quero falar de outra coisa hoje.

Quero te motivar, te incentivar.

Já ouviu falar de Incentivo, né?

“Do latim incentivus, é a coisa, aquilo, que move ou leva a gente a desejar ou a fazer algo. Ah, e não importa se é algo real (grana, viagem casa, carro....) ou algo simbólico (um reconhecimento, satisfação em público e coisa e tal).

Para o Marketing, o incentivo objetiva um estímulo que oferecemos a uma pessoa, empresa ou setor para que ele aumente a produção e/ou melhore o rendimento.

Eu nem queria promover o Incentivo, não era bem isso que eu queria, talvez futucar o Trade ou fazer um Merchand legal. Mas, sabe como é, num País em que até as vacas estão processando alguém se forem chamadas de magras não vale a pena falar de coisas com humor.

Então, é sério mesmo. A melhor solução das modalidades do Live Marketing tem sido o INCENTIVO. Por quê?

Diria eu que nele estão as mais justas e adequadas ferramentas para envolver as pessoas de uma empresa, fazendo-as agir e receber ,de maneira meritrocrática o que elas fazem.

Nada de vestir a camisa, fazer black fridays falsos, prometer melhorias. Não. Bateu metas, ganhou, foi o melhor, se destacou, tá premiado. Pomto. Todos podem. Todos querem.

As Campanhas e Viagens de Incentivo, assim como as Festas de Premiação do Incentivo  falam por si.

Aliás, convém mostrar a diferença básica das premiações em geral das de Incentivo.

Num Oscar ou Globes, por exemplo, embora se reconheçam os trabalhos dos profissionais, os custos da Festa, dos prêmios, os jantares etc vem de algum patrocinador. Assim, o premiado vai a suas próprias expensas receber o prêmio. Se não for, não recebe e.... daí. Perdeu.

Já, no caso das premiações de Incentivo, tecnicamente falando, a grana vem do esforço do próprio premiado que cumpriu, normalmente, metas financeiras. Ou seja, ele banca a própria premiação com seu trabalho. Por isso, as empresas fazem questão que ele vá e paga transporte, estada dele e, muitas vezes, de familiares também.

Mesmo porque, assim, incentiva que outros queiram bater metas no próximo ano e contam com a pressão natural e oportuna dos familiares que desejarão estar sempre presentes aos eventos. Sacaram?

Meu amigo Luiz Alberto de Salles Oliveira que é o líder Comitê de Marketing de Incentivo da AMPRO e todo pessoal do grupo são craques no assunto e eu coloco aqui a definição de Incentivo deles:

“Entende-se por marketing de incentivo as ferramentas utilizadas para estimular e/ou motivar equipes internas, distribuidores e revendedores a atingirem objetivos e metas estabelecidas, oferecendo premiação e reconhecimento para as melhores performances.”

O Incentivo movimentou o mercado de Live mais que todas as ferramentas, mas nele não é espaço para amadores não.

Daí, eu te Incentivo a dizer que o PDV tá legal. Eu incentivo você a estudar Incentivo. Pergunte ao GEA.

Isso é real, ao vivo é muito mais legal.

Minha homenagem a um dos Comitês da AMPRO, que conta também com os de Trade Marketing, da Ana Paula de Andrade, Relações Sustentáveis, do Ronaldo Bias Ferreira, Pesquisa Inteligência e Inovação, da Denise de Cássia, Regulamentação, GEA e o Womem Empowerment comandado pela querida Silvana Torres, que também integra o de Marketing de Incentivo.

O Live Marketing agradece a vocês e seus Grupos pelo trabalho especial nesse anos de sombra, pelo nosso crescimento da gente.

Que Incentivo, Hein?
 


Fonte:: Tony Coelho