Revelar talentos com potencial para brilhar em futuras edições dos Jogos Olímpicos e apresentar ao público a essência e os princípios do judô.

Flávio Canto comanda o primeiro reality de judô da televisão brasileira

22/08/2017

Revelar talentos com potencial para brilhar em futuras edições dos Jogos Olímpicos e apresentar ao público a essência e os princípios do judô.

Esses são os objetivos do novo projeto do ‘Esporte Espetacular’, em parceria com o Bradesco, inédito na televisão brasileira: o reality de judô ‘Ippon – A Luta da Vida’.

Apresentado por Flávio Canto, bronze nos Jogos de Atenas-2004, o programa começou a ser gravado neste fim de semana com a participação de oito jovens – quatro homens e quatro mulheres – escolhidos em treinamentos da equipe brasileira sub-21.

Além de Flávio, participaram da seleção as campeãs olímpicas Sarah Menezes e Rafaela Silva, que serão as treinadoras dos dois grupos. Os atletas estão confinados no Parque Aquático Maria Lenk, na Barra da Tijuca,  e as competições acontecem no Velódromo do Parque Olímpico.

Os seis episódios serão exibidos no ‘Esporte Espetacular’, inclusive a grande final, que será transmitida ao vivo. Com estreia prevista para setembro, ‘Ippon – A Luta da Vida’, também terá cobertura do SporTV e do Globoesporte.com.

Outros quatro ídolos olímpicos participam do programa no papel dos “samurais” que conduzirão os jovens talentos: Chiaki Ishii, primeiro medalhista olímpico brasileiro do judô, bronze em Munique-1972; Aurélio Miguel, ouro em Seul-1988; Rogério Sampaio, ouro em Barcelona-1992; e Tiago Camilo, prata em Sidney-2000 e bronze em Pequim-2008. Ao longo dos episódios, eles resgatam as origens do judô e trazem a filosofia do esporte para os dias atuais.

Três participantes serão premiados: os melhores nas categorias masculina e feminina e o vencedor da competição “Valores do Samurai” ganharão uma viagem ao Japão, berço do judô e palco dos próximos Jogos Olímpicos, em 2020. Principal apoiador do judô brasileiro, o Bradesco também é parceiro da Globo no projeto, o que reforça a crença do banco no poder de transformação por meio dos valores adquiridos com a prática esportiva.

Com a renovação do patrocínio à Confederação Brasileira de Judô (CBJ) até o próximo ciclo olímpico, já são dez anos contínuos de apoio do banco à modalidade. O reality conta também com a parceria do Comitê Olímpico Brasileiro, da CBJ e do consulado japonês.

“Esse projeto é muito especial para mim. A ideia do programa é mesclar entretenimento com a essência e os princípios do judô. Todo esporte tem esse lado formador, que vai além da competição. Há muita coisa por trás e é isso que queremos mostrar.

É minha oportunidade de fazer uma homenagem à modalidade que me educou e formou”, explica Flávio Canto. Tiago Camilo reforça a importância dos valores do esporte. “Queremos que todos saibam o verdadeiro significado do judô e conheçam as mensagens que norteiam nossa vida. Elas fazem com que nós nunca deixemos de ser judocas”.

Campeão olímpico, Rogério Sampaio reforça a importância do projeto. “É a oportunidade de apresentar um esporte que vai muito além da busca por medalhas e tem como objetivo disseminar bons sentimentos para a vida. Lógico que temos muito orgulho das nossas conquistas, mas o principal é o desenvolvimento de valores como respeito ao próximo, educação, humildade e coragem. Isso é o que vamos mostrar no programa”, conta.

 


Fonte:: Redação