Esculturas da Jaguar Parade vão a leilão

21/11/2019


Metade do valor arrecadado será destinado a três instituições com foco na preservação das onças-pintadas no Brasil.

Depois de encantar e conscientizar mais de 40 milhões de pessoas sobre a importância da preservação da onça-pintada e seu ecossistema, as obras de arte da Jaguar Parade, maior intervenção artística urbana da Capital paulista, vão a leilão.

O melhor do marketing social está aqui.

Leia também: Tem início a Jaguar Parade em São Paulo.

As peças já estão disponíveis para lances on-line pelo site iArremate, mas o pregão final acontece presencialmente no dia 29 de novembro, no Hotel Unique, em São Paulo.

As cerca de 90 esculturas do felino, estilizadas por diversos artistas como Crânio, Gabriel Wickbold, Felipe Morozini, dentre outros, ficarão expostas em diversos pontos da cidade até o dia 23 deste mês. Depois, as peças já começam a ser recolhidas para ocuparem o saguão de eventos do Hotel Unique, onde ocorrerá o leilão.

Metade do valor arrecadado será destinado a entidades originalmente brasileiras com foco na preservação da onça-pintada e de seu ecossistema, dentre elas a Onçafari, SOS Pantanal e Ampara Animal, e também aos artistas que estilizaram as esculturas.

A mostra a céu aberto tem como objetivo chamar a atenção para a degradação da fauna silvestre do país, em especial da onça-pintada, que corre risco de extinção.

Na Mata Atlântica, a espécie já é considerada como criticamente ameaçada, já que existem menos de 300 indivíduos em toda sua extensão.

Para saber mais, acesse aqui.

Fonte: Redação.

TAGs: jaguar-parade marketing-sustentável responsabilidade-social são-paulo