Além de palestras e workshops permearem a sede de Nubank — na esquina da Rua Capote Valente com a Avenida Rebouças, em São Paulo — , obras gigantes serão produzidas em diferentes áreas de Pinheiros, região do prédio da startup brasileira de serviços financeiros.

Nubank faz de Pinheiros uma galeria

08/10/2017

Além de palestras e workshops permearem a sede de Nubank — na esquina da Rua Capote Valente com a Avenida Rebouças, em São Paulo — , obras gigantes serão produzidas em diferentes áreas de Pinheiros, região do prédio da startup brasileira de serviços financeiros.

Tudo isto no Nu Festival, evento de arte pública apresentado pelo Nubank com curadoria e realização do Instagrafite, que acontece até 8 de outubro.

Entre os confirmados, para o festival, estão: o Coletivo Muda, que realiza intervenções espaciais por meio de composições de azulejos; a Criola, que representa a negra no mundo do grafiti; o Renan Santos, um ilustrador; o Toco-Oco, formado por Guilherme Neumann e Lara Alcantara, que produz bonecos para adultos e crianças; e outros.

As atividades gratuitas e exclusivas acontecerão durante os fins de semana do evento. Com vagas limitadas, o Nu Festival vem para discutir o tema “Reimagine a cidade”.

Os serviços dividem-se em quatro blocos, baseados nos movimentos de arte pública: o Design, que vem para trazer uma obra utilitária; o Diálogos, responsável por refletir propósitos, causas e questionamentos atuais; o Playground, usado para experimentação; e o Interatividade, que une tecnologia e arte.


Fonte:: Redação