Tem início o Fórum Eventos 2018

23/04/2018


Com apoio do Promoview, o Centro de Convenções Rebouças, em São Paulo, abre as portas para dois dias de debate sobre o mercado que mais cresce no País: o de eventos.

O Fórum Eventos 2018 vai proporcionar momentos de protagonismo para o desenvolvimento de sua carreira por meio de conteúdos e experiências de aprendizagem que vão aprimorar e atualizar seus conhecimentos em temas essenciais para sua carreira e negócio.

O mercado do show business no Brasil movimenta a economia nacional o ano inteiro. Segundo a Associação Brasileira de Empresas e Eventos (Abeoc), o crescimento médio é de 14% ao ano, com um giro financeiro de R$ 209,2 bilhões.

No entanto, para que o segmento continue em uma crescente, as empresas do setor precisam se adequar aos percalços criados pela crise. Às que têm como parte importante de seu planejamento os eventos, internos e externos, em parte, continuam com a mesma programação em termos de quantidade, pois entendem o quão importante eles são, porém, precisam diminuir o budget para os mesmos, por conta de ajustes financeiros diante do cenário econômico no Brasil.

Uma das atrações do Fórum Eventos 2018, é o "Inova Fórum Eventos", um pocket do "Projeto Inova", criado pela Agência Um, para introduzir a cultura de inovação nas empresas.

O conteúdo terá palestras provocativas com empreendedores e inovadores, salas de labs práticas, com apresentação de cases de sucesso e experimentação de ideias que podem ser usadas, ou adaptadas para as necessidades das empresas de cada um dos participantes.  

Entre os temas discutidos, estarão cultura da inovação, novas moedas de troca – reputação digital, storytelling na rede, chatbot, internet das coisas, KPY’s e ROI.

Ronaldo Bias Ferreira Jr., idealizador do Inova Fórum.

Haverá, também, um “passeio” por eventos como Campus Party, Festival Path, CCXP, Rio Content Market. O objetivo do painel “Destruição Criadora – Eventos Disruptivos”, com Rafael Vettori, do Festival Path; Tonico Novaes, da Campus Party; e Pierre Mantovani, da Comic Con irá mostrar como a destruição criativa pode trazer resultados supreendentes.

As questões de gênero, raça e social também serão abordadas no painel “Transversalidade”, com a participação de Allison Manswell, CPLP (EUA) e Fabio Ortolano, do Senac, e curadoria de Dilma Campos, da Outra Praia, para mostrar como essas questões são tratadas no setor e as respectivas implicações.

 

O Fórum Eventos também terá a apresentação dos principais cases vencedores do Prêmio Caio 2017, a maior premiação da indústria de eventos no Brasil, e a Formatura CEM, com a nova turma de especialistas em Gestão de Feiras e Eventos, certificados pelo IAEE – International Association of Exhibitions and Events, cujo vice-presidente, o norte-americano Scott Craighead vai expor sobre a interferência e o impacto das tecnologias emergentes e da tecnologia sem fio 5G nas feiras, na palestra Os Eventos e as Novas Tecnologias.

Mais de 400 convidados e congressistas, entre gestores de eventos das principais empresas, dirigentes de entidades e associações, representantes de agências, promotores e organizadores de eventos, fornecedores de serviços e equipamentos, bem como destinos, hotéis e centro de convenções participam do encontro este ano.

Fonte: Redação.