#chegadeamc

04/06/2019


Há no ar um cheiro de mudança, de esperança e de conquista.

Não adianta as empresas insistirem e usar da sua força para obrigar que agências se submetam a escorchantes e leoninas posturas porque tem mais poder de grana.

Chega! E de vez!

A Ampro, por intermédio de seu VP Nacional, Maurício Magalhães dá nome à atitude desastrosa: ASSÉDIO MORAL CORPORATIVO – AMC.

assédio moral tony

Portanto, agora a coisa muda de figura.

Mas falemos não apenas das empresas contratantes, falemos também das agências que adotaram postura semelhante com seus fornecedores e parceiros.

Isso porque “Pau que dá em Chico dá em Francisco” também, como diz o velho sábio ditado de meus irmãos nordestinos.

Não adianta clamar por justiça e não dar exemplo de ética, dignidade e conformidade.

Isso porque as empresas que mais praticam AMC avocam compliance e ética para tomar algumas de suas nefastas atitudes.

Nunca haverá mercado justo se o mais forte manda o mais fraco esperar mais de 30 dia para receber, convocam mais de 3 agências ou empresas para uma concorrência, avocam o direito à criação de participantes sem nada pagar, não dão retorno nem feedback a quem não vence, não cumpre o que acertou por palavra e por escrito, não... ia ficar o dia todo falando aqui.

assédio moral tony

Chega!=

Já deu!

E isso vale para empresas e pessoas.

Porque qualquer tipo de assédio já deu, bobões!

De agora em diante ou fazemos um mercado mais honesto e bom para todos ou... a coisa vai ficar esquisita.

Quanto ao que penso é isso:

#chegadeamac

 

Por Tony Coelho.

TAGs: agências artigo tony-coelho