O tempo não para

16/05/2019


Você vive no piloto automático e deixa a vida levar você? Essa pode ser a hora de rever seus hábitos.

O cantor e compositor Cazuza escolheu muito bem o tema para a música “O tempo não para”. É mais uma forma de refletir sobre como desejamos ter mais tempo. Mas será que, realmente, precisamos de mais tempo? Ou a necessidade é de mudar os nossos hábitos e reorganizar nossa vida?

Neste mês resolvi reler o livro O Poder do Hábito, de Harles Duhigg, ex repórter do jornal The New York Times, porque achava que não estava tendo tempo de desenvolver tudo aquilo que queria na minha vida.

O livro fala sobre a importância de as pessoas terem a consciência, compreenderem e aceitarem que os hábitos no dia a dia nos ajudam a tornar nossos dias mais leves e felizes.

O tempo é fundamental para que consigamos colocar vários projetos em prática.  Dentro da atividade de live marketing, por exemplo, a cada dia temos menos tempo para pensar e traçar estratégias de trabalho.

A verdade é que, diante de tantos compromissos e responsabilidades, e do pouco tempo para dar conta de tudo, vivemos ligados em uma espécie de piloto automático.

As ações realizadas diariamente não são pensadas, de fato, antes de serem feitas. São os hábitos que, mais precisamente, compõem 40% da rotina das pessoas, conforme pesquisa realizada, em 2016, pela Universidade Duke, dos Estados Unidos.

É como se, por nove horas do seu dia, você não refletisse sobre o que faz. Apenas faz. E continua fazendo, fazendo e fazendo.

Mas não pense que isso é de todo ruim. Seria impossível viver sem os hábitos. É somente por causa deles, por essas ações automatizadas, que a mente é liberada para aprender coisas novas.

Esses hábitos, portanto, facilitam o dia a dia. Quer dizer, facilitam quando fazem bem, a curto e a longo prazo. Isso porque, embora cada hábito signifique pouco por si só, aos poucos passam a fazer uma tremenda diferença no modo como você come, em como trata as pessoas que o cercam, se poupa ou gasta dinheiro e até na maneira como cuida do seu corpo.

São atitudes que ressaltam suas virtudes ou defeitos e têm impacto direto na saúde, na vida profissional, financeira, e, sobretudo, na sua felicidade.

O Poder do Hábito é minha sugestão de leitura, porque ele me ajudou e me ajuda a buscar ideias para deixar o meu dia mais leve e prazeroso, muitas vezes encontrando tempo onde pensava não ter, somente por conta do hábito.

 

Por Dilma Campos.

TAGs: artigo dilma-campos live-marketing