Walter Longo se associa à BBL

14/02/2019


Com 30 anos de experiência em marketing, o publicitário vem somar sua expertise aos executivos da holding de entretenimento especializada em e-sports.

Publicitário e administrador de empresas, Walter Longo torna-se sócio da BBL, onde passa a exercer a missão de CIO - Chief Innovation Officer da holding de entretenimento.

Confira as principais novidades do mercado aqui.

Longo chega para provar ao mercado que, dentre as ferramentas que priorizam o engajamento e não apenas a audiência, nada se compara ao poder dos e-sports.

“Estou no mercado publicitário e de marketing há mais de trinta anos. Passei pelo Marketing Direto e depois pelo Branded Content, mas de todas as oportunidades de comunicação em que tive contato, nenhuma se aproxima ao e-sports na capacidade de envolver, engajar e impactar seus espectadores e participantes. Minha entrada na BBL é fruto de uma crença genuína que o marketing precisa ir em busca da atenção perdida e o e-sport é um dos caminhos mais promissores.”, explica Walter Longo, CIO da BBL.

No decorrer de sua trajetória, Walter Longo ocupou cargos como presidente do Grupo Abril, mentor de estratégia e inovação do Grupo Newcomm, diretor-regional para a América Latina do Grupo Young & Rubicam, presidente-executivo e do conselho da ABTA, fundador da Abraforte e foi também sócio-fundador da primeira agência de Branded Content da América Latina, a Synapsys Marketing e Mídia.

Tem mais de 30 anos de experiência em marketing e 20 anos em tecnologia. Walter foi eleito quatro vezes como o Melhor Profissional do Ano pelo Prêmio Caboré. Passou a fazer parte do Hall da Fama do Marketing no Brasil em 2015, e, em 2017, recebeu o Prêmio Lide de Marketing Empresarial.

“É uma grande honra ter como nosso sócio alguém com a expertise de Walter Longo, que já trouxe grandes inovações para o mercado publicitário brasileiro. A chegada de Walter à BBL é um reconhecimento de estarmos no caminho certo quanto ao potencial do e-sports no Brasil e no mundo.”, comenta Leo De Biase, CMO da BBL e CEO da ESL Brasil.

 

Fonte: Redação.

TAGs: