Live: feminino e plural

08/03/2019


Por Andréa Ortiz Prochaska

Com a intensidade deste nosso dia a dia de trabalho, nem sempre nos lembramos de datas comemorativas, mesmo daquelas que tenham um significado simbólico relevante para nós.

Confira as principais novidades do mercado aqui.

Espere um pouco: uma mulher dizendo que não se lembra de datas importantes? Não, isso não é verdade! O que, de fato, acontece é que a mulher não apenas não se esquece das datas importantes de sua vida pessoal e familiar, como incorpora com o mesmo rigor todas as outras coisas importantes que a vida profissional traz (e às vezes impõe).

Não é diferente, para mim, neste Dia Internacional da Mulher, que comemoramos cada vez com mais alegria, dada a relevância crescente que a profissional do sexo feminino ganha no mundo do Live Marketing. Aliás, não apenas nele, mas em todo o universo da Comunicação. 

No caso do Live Marketing, se dermos uma olhada rápida no retrovisor, vamos ver que também era um campo dominado pelo sexo masculino. 
O tempo se encarregou de fazer com que o Live Marketing, onde   tudo se dá ao vivo, sem edição, cara a cara com o público-alvo, se utilizasse de experiências sensoriais e positivas, onde a participação da mulher cresceu e muito.

E o que se viu foram ganhos de qualidade que – com o perdão da modéstia – vêm da vivência e sensibilidade feminina. O apreço pelos detalhes, as sensações e emoções e o capricho em todos os momentos de um trabalho e, principalmente, o instinto de cuidar fazem toda a diferença na hora de colocar um projeto para andar.

Com isso, é bom ter uma data como o Dia Internacional da Mulher para nos fazer lembrar de tudo o que conquistamos. Melhor ainda é ver que aquilo que conquistamos foi em conjunto. Afinal, vai chegar o dia em que não será mais necessário comemorar um dia internacional de um dos gêneros. Talvez lá comemoremos o Dia do Equilíbrio. Claro, isso terá sido possível somente porque um dia houve mulheres que mostraram que o que até então era coisa de homem, tratava-se apenas de coisa de gente.

Enquanto ele está aí, um Feliz Dia Internacional da Mulher para todas e para todos!

 

 


 

Fonte: Andréa Ortiz Prochaska

TAGs: Agência Live Marketing Articulista – Editor Artigo|Opinião|Ensaio Brasil Comunicação Cultura Dia da Mulher Gente do Live Marketing Internet Marketing Portal Relacionamento