A publicidade, o digital e o live marketing é a voz das marcas - talvez uma das suas partes mais importantes. E com isso, não podemos esquecer que falar a língua atual é não somente inteligente, mas a base de sobrevivência de qualquer marca

Adequando os discursos para os dias atuais

11/10/2017

 

                 João Riva

O mundo mudou muito na última década, seja por conta do avanço da tecnologia, smartphones e mídias sociais, seja por conta do aprofundamento de algumas discussões que antes ficavam escondidas ou guardadas embaixo dos tapetes.

A verdade é que o mundo mudou por conta da população deste mesmo mundo ter brigado por estas mudanças. Ou seja, não aconteceu somente por acaso, mas também por conta da ação direta de muitas pessoas interessados na transformação do lugar em que vivemos.

Por minha vez, penso que alguns briefings que recebi de clientes décadas atrás hoje não existiriam, bem como algumas das nossas ideias apresentadas. Mensagens que antes víamos como normal, possivelmente hoje entenderíamos como desnecessárias ou incômodas (isso pra não estender os adjetivos). E olhe que trabalhei no trade marketing de uma cervejaria, hein?

Como gente de comunicação, devemos acompanhar estes mudanças, e não brigar contra elas. Ser criativo em 2017 é sim mais complexo que em 2007, mas isso não significa que a criatividade atual é menos criativa. Nada disso! É preciso ser extremamente criativo para transmitir a mensagem certa, da maneira certa, falando para e com as pessoas certas. É preciso ser criativo para dialogar.

Como em todo período de transformação e ajustes, existem os exagerados de ambos os lados, mas isso não exclui a importância desta mudança e adequação do discurso. Afinal, a comunicação e a publicidade fazem parte desta sociedade, inclusive a ajudando a construir.

A publicidade, o digital e o live marketing é a voz das marcas - talvez uma das suas partes mais importantes. E com isso, não podemos esquecer que falar a língua atual é não somente inteligente, mas a base de sobrevivência de qualquer marca.


Fonte:: João Riva escreve esta coluna no Promoview e comenta no facebook live toda 4a. as 14h