Feiplastic confirma Braskem e outras marcas relevantes

05/12/2018


Com mais de 1.000 marcas confirmadas, a edição 2019 reforça a feira como principal plataforma de prospecção da indústria do plástico na América Latina.

Entre os dias 22 e 26 de abril de 2019 a indústria do plástico tem um encontro marcado com as principais inovações e tendências do setor na Feira Internacional do Plástico (Fleipastic).

Nos preparativos para a realização, a organização do evento anuncia que a próxima edição já tem 90% da planta comercializada, mais de 1.000 marcas confirmadas e o apoio de dezenas de entidades nacionais e internacionais.

Na prática, isso significa que expositores e visitantes de toda a América Latina estarão imersos em um ecossistema completo de inovação, tecnologia, lançamentos, soluções, conhecimento e oportunidades de negócios.

"São 30 anos de tradição com alta credibilidade junto aos tomadores de decisão e um índice de 89% de recomendação como principal plataforma de prospecção de novos clientes por expositores. A Feiplastic é reconhecida como a feira que o mercado escolheu.", diz Patrícia Oliveira, gerente de produto do evento.

Os números do post-show da última edição não só comprovam estes dados como funcionam como um termômetro sobre o que esperar. Em 2017, foram mais de 56 mil visitantes de 30 países com perfil de comprador e 46 horas de conteúdo, entre palestras, demonstrações e workshops.

Edição 2019

Na área de exposição, o visitante poderá explorar mais de 1.000 marcas, incluindo os principais players que compõem a cadeia produtiva, como Haitian, Simco, Tederic, Alfamach, Starlinger e Brasia   no setor de máquinas.

No setor de Equipamentos temos a Yudo, Moretto, entre outras. Setor de Moldes, HRS Flow, e o setor de matéria-prima, Braskem, Cromex, Covestro, Shulman, Unipar, Rhodia, Basf, etc.

Estande da Braskem na Feiplastic em 2015 contou com os serviços da GTM Cenografia.

Para facilitar, a feira será dividida da seguinte maneira:

  • Produtos básicos e matérias-primas;
  • Máquinas, equipamentos e acessórios;
  • Moldes e ferramentas
  • Transformadores de plástico;
  • Resinas sintéticas;
  • Instrumentação, controle e automação;
  • Plástico de engenharia e composites;
  • Reciclagem.

 

Fonte: Redação.