Boca Juniors deixa a Nike após 24 anos de parceria

12/08/2019


O time argentino assinou contrato com a adidas que será válido até 2030.

boca adidasO Boca Juniors não vestirá mais uniformes da Nike em 2020. O relacionamento iniciado em 1996 e que perdura até os dias atuais tem data para acabar.

O melhor do marketing esportivo está aqui.

Leia também: Integer\OutPromo anuncia conquista da adidas.

Assim, 24 anos depois, a marca americana será substituída no uniforme do clube mais popular da Argentina e justamente pela sua maior concorrente, a adidas.

De acordo com o diário argentino Olé, o acordo entre o time argentino e a marca alemã será válido por 10 anos e renderá ao Boca US$ 10 milhões por temporada.

boca adidas

O valor é um recorde histórico para o clube, que, inclusive, ultrapassa o principal rival, o River Plate, que também é patrocinado pela adidas e recebe cerca de US$ 6,5 milhões anuais, chegando a US$ 9 milhões com royalties e bonificações.

Pelo contrato, o Boca ainda terá direito, no primeiro ano, entre royalties de vendas de camisas no país e no Exterior e uma bonificação especial, mais US$ 5 milhões.

Além disso, durante toda a extensão do contrato, receberá prêmios por títulos conquistados, como US$ 900 mil pela Superliga Argentina e US$ 1 milhão pela Libertadores.

O clube estava atrás de um novo patrocinador técnico desde o início de 2019, quando o acordo com a Nike entrou no último ano, e as conversações tropeçaram em desentendimentos financeiros, com o Boca querendo mais dinheiro do que a marca está disposta a pagar por conta do clima financeiro ruim na Argentina.

Esta não será a primeira vez que o Boca Juniors vestirá uniformes da adidas. A marca alemã foi parceira do clube de 1979 a 1993, pegando, inclusive, o primeiro período de sucesso de Diego Armando Maradona com a camisa azul e amarela. Depois, o time teve rápidos acordos com Topper e Olan antes de fechar com a Nike para ficar os últimos 24 anos.

Fonte: Redação.

TAGs: adidas boca-juniors marketing-esportivo nike