Itaú Unibanco patrocina “Malala, a menina que queria ir para a escola"

24/08/2019


Após sucesso de bilheterias no Rio de Janeiro, temporada paulistana da peça começa dia 13 de setembro com o Projeto Escola em parceria com a Diverte Cultural.

itaú logoO elogiado espetáculo infantojuvenil “Malala, a menina que queria ir para a escola” é a primeira adaptação teatral do livro-reportagem da premiada escritora e jornalista Adriana Carranca.

O melhor do entretenimento está aqui.

Leia também: Itaú emociona ao valorizar buscas da paternidade.

Idealizado pela atriz Tatiana Quadros, com direção de Renato Carrera, adaptação de Rafael Souza-Ribeiro e canções originais de Adriana Calcanhotto, o espetáculo que narra a viagem da jornalista Adriana Carranca ao Paquistão, dias depois do atentado à vida de Malala por membros do Talibã, por defender o direito de meninas à educação, faz temporada no Teatro Procópio Ferreira de 13 de setembro a 28 de outubro de 2019, em São Paulo.

A trajetória da peça é expressiva. O espetáculo estreou no Dia das Crianças, em outubro de 2018, no Teatro Sesc Ginástico – Rio de Janeiro. Após mais de dez sessões para escolas cumpriu duas temporadas seguidas de novembro a janeiro no Teatro Oi Casa Grande.

itaú malala

Em fevereiro seguiu para uma temporada popular no Centro Cultural João Nogueira – Teatro Imperator no Méier por um mês. Na sequência participou do Festival de Curitiba com sessões esgotadas.

Fez curta temporada em Vitória no Espírito Santo e em Uberlândia, Minas Gerais, todas com sessões extras. Após as temporadas em outros Estados retornou ao Rio de Janeiro para nova temporada na inauguração do horário infantil do Teatro Prudential e após algumas sessões a serem realizadas para escolas públicas a peça desembarcará em São Paulo, com a marca consolidada de mais de 25.0000 espectadores, no Teatro Procópio Ferreira.

Em São Paulo, o espetáculo é patrocinado pelo Itaú Unibanco – que promoveu em 2018 um debate sobre educação e empoderamento feminino com a presença de Malala em São Paulo, mediado por Adriana Carranca.

A educação é uma das causas do Itaú, que além do debate também produziu um documentário sobre a trajetória da ativista paquistanesa e fez uma versão digital do livro de Adriana Carranca sobre a história de Malala, com recursos audiovisuais, inserida dentro do projeto Leia para uma Criança. 

Agora, além de patrocinar o espetáculo, o Banco oferece a seus clientes 50% de desconto na compra de entradas para a peça, válido para até quatro ingressos  por pessoa.

A jornalista curiosa, desbravadora e inquieta, atravessa meio mundo para descobrir o que aconteceu de verdade com a menina chamada Malala Yousafzai e porque ela estava sendo perseguida. Era uma missão perigosa, pois a terra natal de Malala, um vale de extraordinária beleza no interior do Paquistão, havia se tornado um território proibido para jornalistas.

 Malala Yousafzai

Vestida como as mulheres do Vale do Swat, a jornalista circula pelas ruas da cidade, se hospeda na casa de moradores locais, conhece as amigas de Malala, sua escola e até mesmo a casa onde morava.

“Ficou claro para mim que esta era uma história inspiradora para os pequenos, por Malala ser apenas uma menina, uma jovem de uma zona tribal que acreditou nos seus sonhos. Por ser uma história de amor a escola, aos professores e aos livros.”, comenta Adriana Carranca. “Eu queria muito que as crianças brasileiras também acreditassem que é possível mudar o mundo.”, completa.

 

Fonte: Redação.

TAGs: evento itaú-unibanco live-marketing são-paulo