Incentivo de vendas e relacionamento em 2019

18/01/2019


E aí chega o novo ano. 2019 tem tudo para ser um grande ano.

Como dono de agência de comunicação, costumo dizer aos meus amigos que no meu negócio é possível prever como os anos que vão entrar serão, para o país como um todo.

É simples. Se em Outubro a agência está recebendo muitas demandas de concorrências e muitos projetos para o ano seguinte estão sendo contratados, é batata: Teremos um bom ano.

O contrário também denota um ano que entra parado, na economia.

Então, Cris? Como será 2019?

Bom, parece que será excelente. Muitos projetos de médio prazo sendo contratados para 2019 e anos seguintes.

Trazendo para uma análise de opinião própria, tenho algumas expectativas para este ano , no que diz respeito ao mercado de marketing de incentivo e relacionamento.

Parece que não tem volta, empresas do mundo inteiro já entenderam que o futuro e presente da comunicação é a gestão e valorização da comunidade.

Mais precisamente, as comunidades que as empresas alimentam e de que são alimentadas. Falo da comunidade de clientes, consumidores fidelizados, prospect, pessoas com afinidades conectadas em suas redes sociais, colaboradores, stakeholders/acionistas e etc.

E com isso em vista, minha expectativa para 2019 é que muitas empresas invistam no relacionamento com estes seus públicos de forma dirigida, personalizada e em duas mãos. Já não se faz mais comunicação unilateral há muito.

No mercado brasileiro, há algumas coisas muito importantes acontecendo e que vão impactar um provável crescimento neste mercado de comunicação. Seja em programas de incentivo e relacionamento, como também nas redes sociais e comunidades internas.

Para o incentivo, temos a chegada da Associação de Marketing de Incentivo (IMA, dos EUA) que definitivamente foi lançada este mês, com apoio da Ampro e profissionais do mercado. Além disso, temos a consolidação da regulamentação de premiação para programas de incentivo, que saiu do papel no ano passado, mas ainda não teve chance de pegar muitas campanhas começando, por que começou a valer no meio do ano, depois que a maioria das campanhas de incentivo já tinham começado.

Para o relacionamento e social media marketing, temos a consolidação de modelos de mídia nas redes sociais e no marketing digital que segmentam muito bem o público diminuindo o custo de campanhas bem dirigidas e eficazes. Isto com certeza faz com que o investimento em mídia digital e gestão de comunidades de redes sociais também não parem de crescer nos próximos anos.

Por fim, com o cenário favorável e muitas empresas fortalecendo seus programas de incentivo e relacionamento, só podemos esperar um 2019 muito promissor.

Eu já comecei a investir desde de 2018. Espero que a previsão esteja certa e desde já desejo um superano para todos nós.

Artigo de Cristiano Miano.

TAGs: