Canal
Geral

O Varejo e o sempre disponível

Por: Redação 8 de Fevereiro de 2017

O combinado era que todos iriam investir muito no aprimoramento da tecnologia para que as tarefas que levassem horas para serem realizadas ocorrerem em minutos. O tempo que restasse, dizia a promessa, seria utilizado pra diversão, relaxar esticadão no sofá de casa, cozinhar com os amigos e levar os filhos aos parques.

Sei lá o que deu errado (ou certo), mas os planos mudaram completamente. A tecnologia nos ofereceu tanto tempo livre a mais, que tratamos de os ocupar de forma imediata. A produtividade das empresas cresceu de forma admirável, os dias de trabalho passaram a ter a mesma duração do nosso tempo acordado, e a comunicação tão sonhada entre as pessoas aconteceu. Hoje estamos quase 100% do nosso tempo disponível aos outros. Se é bom ou ruim, não importa aqui. O que importa, é que pro varejo isso muda tudo.

Não precisamos mais esperar que as lojas abram pra realizar nossas pesquisas de preço, nem mesmo esperar a madrugada acabar pra comprar uma calça pela internet, seja em São Paulo, Curitiba, Manaus ou China. Tudo, sempre, a toda hora, no lugar em que eu estiver, disponível.

Mas pra isso acontecer o varejo teve que se adequar ao novo mundo entregue pelos avanços tecnológicos. Precisou aprender a mensurar mapas de sites e e-commerces, treinar analistas para suas mídias sociais, redefinir suas processos de logística. Mais! Tiveram que rever horários de funcionamento de lojas, novas formas de motivar equipes de lojas físicas que atendem consumidores com costumes já virtuais, e mudar políticas antigas para continuar firme.

O varejo passa hoje por uma grande transformação, e como sempre, se sai bem. "Como sempre", pois transformação é a palavra chave do varejo. O varejo, que sempre viveu ao vivo, cara a cara com o consumidor e o shopper, entendeu logo em seus primórdios que viver em transformação não deveria ser excessão, mas uma constante.

Entender o live marketing e a comunicação moderna através do varejo não é apenas relevante, mas sábio. Ele é quem esta sempre alerta para as novidades do mercado, conversando com os consumidores, ouvindo o que as suas marcas tem a dizer. É o varejo que sempre esteve disponível, mesmo antes da internet.

Lidar bem com o status sempre disponível será uma das grandes sacadas dos próximos meses. Como estar sempre disponível, mas ainda assim se manter valorizado? Melhor! Como estar sempre disponível, e justamente por isso se manter valorizado?
 

Tags: Profissional de Mídia | Telefonia/Internet/Tecnologia