Este canal é patrocinado por
Este canal é patrocinado por

Nações Unidas exibe arte NFT destacando crise climática

Por: Redação.. 12 de Novembro de 2021

A Iniciativa Climática NFT liderada pela ONU mostrou os resultados de sua iniciativa de arte climática na Conferência das Nações Unidas sobre Mudança do Clima, também conhecida como COP26, em Glasgow, na Escócia.

O grupo de trabalho ONU-Habitat fez uma parceria com a Unique Network, com a IAAI Glocha e com a iniciativa Exquisite Workers on the DigitalArt4Climate.

A ação teve como objetivo capacitar artistas, designers e ativistas em todo o mundo para criar arte digital que inspire as pessoas em todo o mundo a agir contra a crise climática, ao mesmo tempo em que os apresenta às NFTs, uma tecnologia que tem a capacidade de liberar os artistas globalmente, permitindo que eles monetizem seu trabalho de maneiras que antes não eram possíveis.

A obra 'Allegory of Survival', de Chloe Hajjar (Foto: Divulgação).

As NFTs usam a segurança e transparência da blockchain (cadeia de bloqueio) para autenticar itens digitais únicos, e isso deu nova vida à arte digital, que agora pode ser leiloada com base na raridade. 

Após centenas de inscrições em todo o mundo e dezenas de milhares de votos nas próprias obras de arte, um vencedor e três ganhadores de subtema foram selecionados.

O artista digital Bricx Martillo Dumas, das Filipinas, foi declarado o vencedor do concurso de arte DigitalArt4Climate, com sua peça Nexus.

A obra de arte de Dumas retrata uma mão segurando uma bebida de cor azul em um saco plástico com um canudo, e um cigarro cuja fumaça evapora em folhas minúsculas. 

Entre mais de duzentos artistas de 58 países que se apresentaram, Dumas é o único finalista do sudeste asiático. Ele receberá 1.500 euros (US$ 1.721) por ter vencido a competição.

Os vencedores do segundo lugar incluem Every Second de Amir Karimi: Lake (Irã), The Wildfire de Ekaterina Lestienne (França) e Allegory of Survival (EUA) de Chloe Hajjar. Cada um desses vice-campeões receberá US$ 574. 

"Estamos entusiasmados em mostrar que o ethos das tecnologias de registro distribuído e os dados abertos podem ser usados para apoiar os agentes de mudança a serem mais capacitados na identificação das ações climáticas que eles podem realizar.", afirmou Alexander Mitrovich, CEO da Unique Network.

"A Unique Network está extremamente orgulhosa de estar colaborando com estas iniciativas-chave das Nações Unidas, o órgão global para desafiar paradigmas e garantir a igualdade, para uma transição justa.", completa Alexander.

"Acreditamos que o futuro da expressão humana será por meio das NFTs, e estamos dedicados a mostrar ao mundo inteiro como elas podem unir nossas diferentes comunidades na luta para salvar nosso planeta.", finaliza.

A DigitalArt4Climate é uma iniciativa multiparticipativa sem precedentes que utiliza tecnologia de blockchain ecológica para transformar a arte em ativos digitais ou NFTs limpos, que podem ser coletados e comercializados, abrindo assim um espaço de inovação sócio-tecnológica que ajuda a desbloquear um potencial extraordinário de mobilização de recursos e de capacitação climática.

Tags: digital-art-4-climate | cop-26 | ONU