Este canal é patrocinado por
Este canal é patrocinado por

F.biz expande mercado e Criação

Por: 0. 18 de Abril de 2012

Parte do planejamento que se consolidou com a entrada da F.biz para o Grupo WPP em junho de 2011, a expansão da agência para a América Latina com marcas da Unilever ­- seu mais antigo cliente - acontece poucos meses depois do lançamento das operações de Netshoes na Argentina e no México. A agência passa a ser responsável pelas contas Regionais de OMO, Kibon, Close Up e outros projetos. Com estes novos mercados e o aumento da demanda dos clientes nacionais, a F.biz aumentou a estrutura das lideranças da Criação, como já acontecia em outros departamentos. Serão agora três diretores de Criação que respondem à CEO Gal Barradas. [caption id="attachment_188139" align="aligncenter" width="560" caption="Time de Diretores de Criação, junto a Gal Barradas, CEO da agência."][/caption] Lisi Kindlein, diretora de Criação da agência há dois anos, se dedicará a um grupo de marcas de consumo e serviços que inclui Itaú, Kaiser, Shiseido e Grupo Campari.  “Esta era uma preocupação que eu tinha há algum tempo. A F.biz cresceu muito no último ano. Nossa abordagem de trabalho voltada para a estratégia das marcas requer mais tempo dedicado e maior aprofundamento no cliente. Com a Criação não poderia ser diferente. Todos sairão ganhando com diretores seniores dedicados a cada grupo de clientes”, pondera Kindlein. Rodolfo Barreto, também na agência há dois anos, foi promovido a diretor do grupo das marcas da Unilever para os mercados Brasil e Latam. A novidade que vem de fora é a chegada de Alexandre Ravagnani (ex Sunset, ex Ogilvy) que cuidará do grupo de clientes com foco transacional onde estão Netshoes, Fast Shop, Anhanguera, Locaweb, NetMovies e Construtora Rossi. “Fico feliz em poder trazer um nome como o do Alexandre, que tem a visão estratégica e multidisciplinar já implantada na agência, ao mesmo tempo em que  posso reconhecer e valorizar os talentos extraordinários da Lisi e o Rodolfo, dando-lhes condições para reorganizarem suas estruturas e conduzi-las aos seus grandes desafios”, completa Gal Barradas, CEO da F.biz.

Tags: