Este canal é patrocinado por
Este canal é patrocinado por

Brasileiro começa Bitcoin Beach em praia famosa do Nordeste

Por: Redação. 14 de Outubro de 2021

O músico Fernando Motolese está desenvolvendo um projeto experimental do “Bitcoin Beach” em parceria com os comerciantes da famosa praia Jijoca de Jericoacoara, no Ceará, um dos principais pontos turísticos do Nordeste, a 300 quilômetros da Capital Fortaleza.

Fernando Motolese

Motolese quer seguir o movimento iniciado em El Salvador onde a população de uma praia remota, chamada El Zonte passou a usar integralmente a criptomoeda para suas transações. 

Esse movimento de adoção do Bitcoin no litoral do pequeno país da América Central ganhou repercussão internacional e acabou sendo apelidado de Bitcoin Beach, sendo o embrião para que a moeda digital fosse amplamente aceita como meio de pagamento em El Salvador.

Em entrevista ao site livecoins ele falou sobre esta iniciativa.

Morador de Jericoacoara desde fevereiro de 2020, ele logo criou uma relação de amizade com comerciantes locais, dos quais ajuda a resolver problemas em computadores, se tornando o “amigo nerd”, diz ele.

Contudo, sua visão mudou quando ele viu que El Salvador começou sua adoção em uma praia, com a população fazendo suas transações com a moeda digital e criando uma rede que hoje já ganhou o mundo.

Durante a pandemia, a cidade ficou fechada e Motolese se dedicou a conhecer profundamente as pessoas locais. Ele lembra que estreitar os laços com a população local pode ter sido fundamental para que elas se interessassem pelo experimento Bitcoin Beach do qual ele tem se dedicado.

O movimento, então, começou com oito comércios, a padaria, barraca da feira hippie, uma empresa de turismo, e a ideia da Bitcoin Beach Brasil está se espalhando no local. 

Ele lembrou que, nos últimos meses, coordenou uma equipe com mais três pessoas na comunidade para instalar 80 carteiras, com várias ativações no comércio.

Artistas de rua e comércios de Jericoacoara estão passando a aceitar mais o Bitcoin, com uso da carteira BlueWallet, de código aberto e permite transações pela rede Lightning Network.

Quem quiser ir para Jericoacoara e se hospedar em algum hotel, ele lembra que o serviço Bitrefill.com permite a compra de créditos com Bitcoin no site Hotels.com, mas que no futuro os hotéis aceitarão a moeda diretamente em seus estabelecimentos.

Em seu plano, ele pretende montar uma rede de suporte entre os lojistas da região, assim como a Hope House em El Zonte. Além disso, ele pretende lançar um site para a iniciativa em breve, além de criar uma música tema para Jericoacoara, que pode ser o paraíso das criptomoedas no Brasil.

 

 

Foto: Getstock.

Tags: ceara | praia | bitcoin | jericoacoara | inovacao