Esta página pode utilizar cookies.
Warning (2): getimagesize(/wp-content/uploads/2013/05/rock-in-roll-seeds.jpg): failed to open stream: No such file or directory [ROOT/plugins/Amp/src/Template/Categoria/conteudo.ctp, line 44]
Notice (8): Trying to access array offset on value of type bool [ROOT/plugins/Amp/src/Template/Categoria/conteudo.ctp, line 46]
Warning (2): Division by zero [ROOT/plugins/Amp/src/Template/Categoria/conteudo.ctp, line 46]
Notice (8): Trying to access array offset on value of type bool [ROOT/plugins/Amp/src/Template/Categoria/conteudo.ctp, line 46]

Para dar mais visibilidade aos projetos do Instituto Rolling Stone e incentivar doações à organização, que é sem fins lucrativos, a agência Fischer&Friends criou a "Rock and Roll Seeds", uma mala-direta especial pedindo colaboração de uma forma interativa. Uma experiência real para potenciais doadores entenderem o verdadeiro trabalho do instituto: cuidar do futuro de crianças e adolescentes em situação de risco por meio da aprendizagem do rock and roll. O Instituto Rolling Stone é desenvolvido pela Spring Publicações Ltda., detentora dos direitos de uso da marca da revista Rolling Stone no Brasil, e seu objetivo é proporcionar cultura musical e lazer para crianças de baixa renda. A mala-direta é um convite para que empresas e pessoas físicas participem da oportunidade de plantar um futuro melhor para essas crianças por meio de uma experiência com resultados visíveis: cada potencial doador recebe uma embalagem com uma miniguitarra plantável, feita de material orgânico e sementes de verdade que levam nome de bandas de rock e que vão virar pequenas árvores. São sementes de pimenta (Red Hot Chilli Peppers), abóbora (Smashing Pumpkins), rosas (Gun's Roses) e grama (Green Day). As Rock and Roll Seeds foram concebidas pela agência e desenvolvidas  por  um  agrônomo especialmente para o projeto do Instituto Rolling Stone. “O conceito da ação Seeds retrata com exatidão o nosso principal objetivo, que é de plantar a semente do Rock and Roll em crianças, antes sem acesso a este precioso conteúdo, e deixar que germinem e, futuramente, espalhem seus frutos”, diz Rolling Stone no Brasil, do Instituto RS. É possível colaborar por meio de doações em dinheiro dedutíveis do Imposto de Renda, da doação de instrumentos musicais e até abrindo espaço na espera telefônica para o instituto divulgar seu trabalho.